Museus virtuais para você visitar sem sair de casa

Museus virtuais para você visitar sem sair de casa

Em tempos de quarentena, cancelamentos de voos e fechamento de fronteiras, pode ser bastante difícil encarar os próximos dias em isolamento e deixar para depois alguns sonhos de viagem. Que tal então “embarcar” para novos destinos por meio de viagens virtuais? Diversos museus em todo o mundo oferecem visitas a galerias e principais obras de arte online. Aproveite o tempo em casa para passear pelos corredores de lugares maravilhosos como o Louvre, em Paris; o Metropolitan, em NY; e o MASP, em São Paulo. É uma ótima maneira de não se isolar completamente do mundo e ainda se manter conectado com a cultura e a arte. É um alento em dias tão difíceis e você ainda sairá dessa expert em grandes artistas. Ah! E tudo sem fila e de graça. Bora passear, mesmo que virtualmente!

O museu vai até você

  • “A Pinacoteca de Brera estará fechada até 3 de abril, mas seu coração continuará batendo e isso se fará virtualmente”. Ela não é a única a optar pelo serviço. Localizado em Milão, na Itália, o espaço convoca o público para continuar acompanhando seu acervo através do site.
  • Alguns museus do Vaticano, que contam com parte de seu acervo liberado on-line.
  • Galeria Uffizi, em Florença, conta com dicas de seus curadores para visitação virtual de parte de suas coleções.
  • O Museu Arqueológico de Atenas apresenta parte de sua coleção, com fotos e descrições, através de seu site.
  • Museu da Imagem e do Som de São Paulo (MIS) também conta com um acervo virtual que traz informações sobre os itens que compõe os acervos museológico e bibliográfico do museu.
  • Museu do Prado, em Madri, conta com uma página especial para explorar suas coleções . O museu, como muitos outros espaços de arte da Espanha, está fechado devido ao coronavírus
  • Fechado por tempo indeterminado, o Museu do Louvre, em Paris, conta com uma visitação virtual em suas salas e galerias
  • Além da possibilidade de acompanhar as coleções, a página do Museu Britânico também traz uma loja virtual que permite a compra de réplicas de algumas obras, entre outros objetos
  • Com o anúncio de seu fechamento, o Museu Metropolitano de Nova York convidou seus visitantes para a experiência do museu online.
  • Além de obras, o Met oferece uma agenda musical no projeto de transmissão online de óperas com uma programação que vai até 22 de março. “Todas as noites, ofereceremos uma joia operística completa diferente obra de nossa coleção”, informou o museu. A página oficial do museu traz toda a programação noturna.
  • Galeria Nacional de Arte, em Washington, conta com um tour virtual em vídeo com as exposições atuais. Nele, o espaço de arte analisa detalhadamente os destaques da coleção com gravações em áudio e vídeo de palestras de artistas e curadores.
  • Museu Casa de Portinari, em Brodowski, São Paulo, tem um tour virtual do espaço em seu site
  • Através da ação #pinadecasa, a Pinacoteca de São Paulo traz conteúdos digitais diários para manter a conexão com o público, promovendo informações sobre a coleção e revisitando exposições.

IMAGEM: Freepik.

FONTE: Portal G1 Notícias, 22/05/20.