Sorocaba terá “telecorona” para tirar dúvidas em relação ao coronavírus.

Sorocaba terá “telecorona” para tirar dúvidas em relação ao coronavírus.

Com o objetivo de tirar dúvidas da população sobre o novo coronavírus e evitar que pessoas busquem atendimento nas unidades de saúde sem necessidade, a Prefeitura de Sorocaba criou o “tele corona”. O novo canal começa a funcionar nesta terça-feira (7), das 8h30 às 16h30, pelo telefone (15) 3238-2212.

Segundo a Secretaria da Saúde (SES), o projeto contou com a parceria do Parque Tecnológico de Sorocaba que desenvolveu um sistema para auxiliar os atendentes. O sistema foi criado com a colaboração de orientações técnicas dos médicos, enfermeiros e outros profissionais da área de saúde.

O “tele corona“, inicialmente, atenderá de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 16h30, e terá oito atendentes. Parte desses servidores é da área da saúde e todos foram capacitados por médico infectologista da SES, além da colaboração de demais servidores.

O serviço de atendimento remoto terá o suporte de um médico coordenador e outros profissionais da área da saúde para orientar os atendentes e também dar apoio para esclarecimentos necessários.

O telefonema

Durante o telefonema, os cidadãos poderão tirar dúvidas sobre uma série de assuntos como: sinais e sintomas; sinais de alerta e busca de serviço; formas de contágio, tratamento e prevenção; dúvidas sobre vacinação contra a gripe; isolamento domiciliar e etc.

Quarentena

A Prefeitura de Sorocaba, seguindo a determinação do Governo do Estado, decidiu ampliar a quarentena no município a partir desta quarta-feira (8) até o dia 22 de abril.

Pela medida, devem seguir funcionando durante a quarentena: hospitais, clínicas, farmácias e clínicas odontológicas; transporte público; transportadoras e armazéns; empresas de telemarketing; petshops; deliverys; supermercados, mercados e padarias; limpeza pública; postos de combustível; oficinas mecânicas e lojas de autopeças; lojas de material de construção.

Também podem funcionar bancas de jornal, táxis e aplicativos de transporte, desde que cumpram com as orientações dos sanitaristas. Os serviços de segurança pública, tanto estadual, quanto municipais, também continuam funcionando normalmente. Os bancos e lotéricas também continuam abertos. As indústrias devem continuam operando, já que não têm atendimento ao público em geral.

FONTE: SBT Notícias, 07/04/20.